segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Um pouco de romantismo besta e exacerbado...

imagem extraída do filme "Malena"


Soneto Tolo e de Rimas Fáceis
Luiz Carlos Meneses

Fiz um poema para lhe descrever,
e percebi que não conseguiria.
Poeta que sou, decidi viver
procurando verso que a definiria.

Iniciei assim a busca pelo verso
que diga o que passa na minha alma.
E nesse poema singelo eu confesso
que tua presença me encanta e acalma.

Ainda busco a palavra mais bonita,
para uma poesia de pura leveza,
para que eu possa tentar explicar:

os teus cabelos de noite infinita…
o teu sorriso de irresistível beleza…
os teus olhos que me fazem sonhar…

Obrigado, leitor, por aceitar o "Convite". Volte sempre!

Abraços a todos e até a próxima!

7 comentários:

  1. Preclaro Luiz!
    Delícia de convite. Ainda bem que, vez por outra, aceitamos.
    Veja este post: http://oquepensoeoquevejo.blogspot.com/2011/01/normal-0-21-false-false-false-pt-br-x_26.html

    Abraços!

    ResponderExcluir
  2. Tudo muito bom por aqui, meu amigo. Parabens. Indicarei nas minhas páginas, aguarde.
    Abração e sucesso!!!
    www.luizalbertomachado.com.br

    ResponderExcluir
  3. Um pouco de romantismo besta faz bem pra todos e, se entendo mediocremente desse sentimento, revigora as energias também! Em forma de texto, o romantismo se torna um excelente apêndice à apreciação do fenômeno em si. Obrigado por essa oportunidade.

    ResponderExcluir
  4. Cara Andréa, muito obrigado pelo post no seu blog e por aceitar o meu "convite". Fico muito feliz por manter contato com você, preclara amiga e eterna professora!
    Luiz Alberto, é um prazer enorme recebê-lo e conhecer sua obra, que, aliás, é encantadora já no primeiro contato. Muito obrigado pelo elogio e pela indicação. Volte sempre!
    Éverton, caro amigo, obrigado por estar sempre por aqui. Você sempre enriquece o blog com seus comentários. Volte sempre e comente. Muito obrigado!
    Abraços a todos!!

    ResponderExcluir
  5. AAaahhhh.... Sou seguidora novata aqui, e achei esse poema tão bom que não aguentei a tentação de comentá-lo.
    Gosto do romantismo besta e exacerbado com que escreveu esse poema. Não demonstra uma paixão eufórica, nem há nada exagerado. (Apenas queria comentar...) Gostei muito!

    ResponderExcluir
  6. Olá, Amanda! Seja bem-vinda ao "Convite"! É um grande prazer receber seu comentário e ter mais uma pessoa compartilhando conosco a experiência poética... quanto ao poema, havia muito amor envolvido na escrita dele e o encantamento produz poesia! Volte sempre e deixe seus comentários! Grande abraço!

    ResponderExcluir
  7. Suposta Ex-Viciada em Loucas Paixões29 de abril de 2011 22:04

    Romantismo Besta e Exarcebado? Não, não!
    Apenas um sentimento que as vezes trancado à 7 chaves, sai o mais verdadeeiro possível!

    Sou sua fã Menezes!
    Depois dá uma olhadinha no meu:
    http://ex-viciadaempaixoes.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Olá! Seja bem-vindo e obrigado por aceitar o convite, leitor!